Khan Academy, Coursera, YouTube e aprendizado online

[Recomendação preliminar: vejam este vídeo e talvez este também]

Lidar análise de dados quantitativos requer um mínimo de conhecimento de Exatas: Álgebra Linear, Cálculo, Probabilidade, alguma linguagem de programação… Justamente aquelas áreas das quais os estudantes de Humanas procuram fugir. Claro, para as coisas mais básicas, não é necessário “isso tudo”… Às vezes, os menus do SPSS ou algumas poucas funções do Excel já bastam. Mas isso limita as possibilidades de pesquisa e limita a própria imaginação do pesquisador. Vôos mais altos requerem mais formação.

Mas à certa altura do campeonato (depois de formado, durante a pós-graduação, trabalhando…), é pode ser bem desestimulante voltar para uma carteira de sala de aula, numa turma de Matemática para assistir um semestre inteiro de Cálculo I (uma das matérias que mais reprova!), geralmente em turmas que se reúnem três vezes por semana… É um empenho. Uma saída é o “auto-didatismo”. Anteriormente, o caminho era vasculhar livros, manuais, revistas em bancas de jornal… Ou seja, meios escritos. Ainda é um empenho, né!? Mas tá… pode-se estudar ou “fuçar” na hora em que se bem entender. Hoje, a internet facilita enormemente a vida do auto-didata.

Uma das principais iniciativas de ensino de exatas online é a Khan Academy. Tudo começou quando Salman Khan, que trabalhava no mercado financeiro, não pode dar suas usuais aulas de matemática aos seus sobrinhos. Para compensar a falta, gravou alguns vídeos no Youtube com o conteúdo das aulas. Ele se surpreendeu quando percebeu que o aprendizado deles era maior por meio dos vídeos. Resolveu dedicar-se à educação virtual e hoje está à frente de uma fundação enorme, que já não se limita apenas à matemática básica. Há vídeos com matérias completas (e sequenciadas) de Cálculo, Álgebra Linear, Equações Diferenciais, ou seja, matemática de ensino superior. E, além disso, Micro e Macroeconomia, Química, Biologia, Astronomia, História e mais um conjunto amplo de outros temas. Vários conteúdos são acompanhados de exercícios interativos. É possível criar um login e acumular pontos, ao assistir os vídeos, responder questões e até mesmo ajudar outras pessoas, sendo monitor.

A Khan Academy começou nos Estados Unidos. Logo, seu conteúdo está em inglês… A Fundação Lemann, no entanto, está traduzindo boa parte dos conteúdos para o português. E apesar de que os conteúdos ainda sejam poucos, seu volume têm crescido. Ainda não há Cálculo e Álgebra, mas pode-se encontrar algo sobre Estatística, Probabilidade e “Pré-Cálculo”.

Mas esta não é a única grande iniciativa.

Um segundo exemplo é o Coursera, tem uma proposta um pouco diferente. Trata-se de uma plataforma online em que professores de diversas universidades (muito importantes, inclusive), oferecem cursos à distância. Não raro, esses cursos ocorrem simultaneamente a cursos presenciais. Diferentemente da Khan Academy (em que se pode começar a qualquer momento), no Coursera os cursos têm data inicial e final. Assiste-se vídeos expositivos (curtos e muito bem produzidos) e os regularmente inscritos devem entregar exercícios periodicamente. Recebe-se certificado depois da conclusão, emitidos pelas próprias Universidades de origem dos professores. Alguns cursos têm semanas, outros meses. Há oferta simultânea de centenas de disciplinas.

Auto-didatismo tem seus limites: em meio a muitas coisas para fazer e muito trabalho, é difícil manter a constância nos estudos; além disso, a exploração dos conteúdos nem sempre se dá da maneira mais sistemática e na ordem mais lógica. Ainda assim, acredito que esta será uma forma com uma prevalência crescente — seguindo a intuição de Isaac Asimov, no vídeo indicado no início.

[Este post dialoga de perto com este outro, publicado no Metodologia Política]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s